São Miguel Arcanjo

Este arcanjo, juntamente com São Rafael e São Gabriel, é um dos principais desta hierarquia angélica, tendo atingido tal importância que os três adquiriram o estatuto de santos. O seu nome, que é hebraico, significa "quem como Deus?", constituindo em si um louvor e aludindo à supremacia incontestável de Deus. Costuma ser representado iconograficamente como um homem dotado de asas, protegido por uma armadura – ou envergando vestes litúrgicas, como a túnica, a estola e o pluvial – e empunhando uma lança ou uma espada com as quais subjuga o Demónio que pode aparecer sob a forma de serpente ou de dragão. A presença do dragão é inspirada no Livro do Apocalipse, que menciona este arcanjo como aquele que liderou os demais anjos na luta para lançar o Demónio no Inferno. Como está ligado à morte e ao Juízo Final, igualmente mencionado no Apocalipse, também segura uma balança onde serão pesadas as almas no fim dos tempos. Inicialmente venerado no Oriente, o seu culto começou a difusão para Ocidente a partir do século V. Na Igreja Ortodoxa, as representações de São Miguel Arcanjo variam um pouco em relação à iconografia mencionada, aparecendo ataviado como um membro da corte bizantina. Assim, além das obrigatórias asas, enverga normalmente o loron, veste característica dos dignitários, e segura o bastão que identifica os ostiarii, cuja função é a de proteger os locais sacros. As asas são em algumas representações constituídas por penas de pavão, que têm "olhos"; esta é uma alusão simbólica à proximidade do arcanjo com Deus e à sabedoria e clarividência que daí advêm.
Festejado no Ocidente a 29 de setembro (tal como São Rafael e São Gabriel), é protetor das viagens e, entre outros, dos fabricantes de balanças e dos comerciantes.
Sobre este arcanjo, além das fontes bíblicas, dissertaram teólogos como Pseudo-Dionísio, São Jerónimo, Santo Agostinho e Pantaleão, "o Diácono".
Como referenciar: Porto Editora – São Miguel Arcanjo na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-06-16 18:37:29]. Disponível em