Sentimentalismo

Romance de atualidade cuja intriga sentimental gira em torno de Matilde, doente de melancolia desde a morte inesperada do noivo, que nem amava, e da sua evolução psicológica até conseguir aceitar o amor de Luís de Melo, ele próprio um ex-cético. A obra, que lembra Júlio Dinis na estratégia narrativa e na composição das personagens, aborda temas contemporâneos, como os meandros da vida política, através das personagens de Francisco da Ribaldeira e Adriano Ramires. O autor visa condenar o sentimentalismo, "essa melancólica e enervante morbidez, que desalenta o espírito e exalta os nervos, que debilita as forças físicas e faz até perder a faculdade de sentir os grandes afetos".
Como referenciar: Sentimentalismo in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-07-16 15:01:50]. Disponível na Internet: