Teresa Orta

Escritora luso-brasileira, nascida em 1711 e falecida em 1793, filha de um emigrante português no Brasil, veio para Portugal muito nova, tendo sido educada no Convento das Trinas. A sua obra destaca-se pelas ideias feministas que apresenta como compositora do Neoclassicismo. Influenciada ainda pelo Iluminismo, publicou, em 1752, sob o pseudónimo de Doroteia Engrácia Tavares Dalmira, uma novela de carácter alegórico e moralizante, Aventuras de Diófanes, Imitando O Sapientíssimo Fénelon na Sua Viagem de Telémaco.
Como referenciar: Teresa Orta in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-05-23 23:45:30]. Disponível na Internet: