Termas de Chaves

A cidade termal de Chaves, com a antiga designação Aquae Flaviae, terá sido uma das mais florescentes cidades do império romano na Península, sendo natural que se tenha desenvolvido a partir das nascentes termais e de algumas edificações castrejas primitivas.
As suas águas, bacteriologicamente puríssimas, são consideradas as águas mais quentes da Península (73 ºC) e as águas bicarbonatadas sódicas mais quentes da Europa. Estão especialmente indicadas no tratamento de reumatismo, diabetes, gota, obesidade, perturbações funcionais do fígado e intestinos, e hipertensão.
Como referenciar: Termas de Chaves in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-11-11 19:56:04]. Disponível na Internet: