Tino Rossi

Cantor e ator de cinema francês nascido a 29 de abril de 1907 em Ajaccio, na Córsega, e falecido a 27 de setembro de 1983 em Neuilly-sur-Seine. De seu nome verdadeiro Constantin Rossi, foi uma das mais destacadas personalidades do meio musical francês, tendo atingido o seu auge nas décadas de 30 e 40 do século XX. Os seus primeiros momentos de glória foram alcançados no Casino de Paris, em 1934, quando protagonizou o musical Parade de France. De imediato foi convidado para filmes, tendo iniciado o seu percurso de ator cinematográfico no musical Les Nuits Moscovites (1934). Seguiram-se sucessos como Marinella (1936), Naples au Baiser de Feu (1937), Lumières de Paris (Luzes de Paris, 1937), Fièvres (1942), Le Soliel a Toujours Raison (1943) e L' Île d' Amour (1944).
Em outubro de 1944 foi acusado de colaboracionismo com o regime nazi. Ficou detido durante três semanas e saiu em liberdade depois do cumprimento de trabalho comunitário. A sua imagem ressentiu-se bastante, mas continuou a ser requisitado para filmes como Marlène (1948), Paris Chante Toujours! (1952), Jusqu'au Bout du Monde (1962) e L'Âne de Zigliara (1970), o seu derradeiro musical.
Como referenciar: Tino Rossi in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-09-22 02:42:14]. Disponível na Internet: