Tom Ford

Estilista norte-americano, Tom Ford nasceu em 1962, no Texas, e passou sua infância no Novo México. Começou por estudar representação e história da arte em Nova Iorque, onde também foi manequim, e depois arquitetura de interiores na Escola de Design Parson, onde esteve até aos 24 anos. Concluiu os estudos desta escola nas instalações de Paris, onde passou mais tarde a interessar-se pelo mundo da moda.
Em 1986, regressou a Nova Iorque e integrou a equipa de criativos da estilista norte-americana Cathy Hardwick, de onde saiu dois anos depois para trabalhar com Perry Ellis como diretor de design.
Em 1990, entrou na conceituada casa de moda Gucci, para a qual foi contratado como desenhador principal da coleção feminina de pronto-a-vestir. Pouco depois, foi promovido a diretor de design e, em 1994, passou a ser diretor criativo da Gucci, na altura em que a marca mudou de proprietário. Tom Ford deixou então os Estados Unidos da América e instalou-se em Milão, na Itália.
Logo no primeiro ano nas funções de diretor criativo, devolveu o encanto à Gucci graças a criações como finas camisas de cetim e botas com elementos metálicos.
Em 1995, contratou a estilista francesa Carine Roitfeld e o fotógrafo italiano Mario Testino para lançar uma série de novas e modernas campanhas publicitárias para a Gucci. No ano seguinte, foi eleito o estilista internacional de 1996 pelo Conselho de Desenhadores de Moda da América, graças ao seu trabalho na Gucci.
Em 2000, e depois de ter tirado a empresa Gucci de uma situação de quase bancarrota, foi eleito em Nova Iorque o melhor estilista internacional pelos Prémios VH1/Vogue.
Nesse ano, a Gucci assumiu uma posição de controlo na casa francesa Yves Saint Laurent e Tom Ford passou a ser também diretor criativo e diretor de comunicação no departamento de pronto-a-vestir desta tradicional marca francesa. Ao mesmo tempo, continuou a desenhar para a Gucci.
O estilista norte-americano diz que o seu sucesso se deve à sua energia mais do que ao talento, o que lhe permite trabalhar em simultâneo no desenho de relógios, sapatos, malas, roupa feminina e masculina. Ao mesmo tempo projeta as campanhas de publicidade e orienta a criação de novos perfumes.
Entre as suas clientes mais famosas contam-se as cantoras Madonna e Tina Turner, as atrizes Sharon Stone, Gwyneth Paltrow e Uma Thurman e o ator Tom Cruise.
Em julho de 2001, foi nomeado o melhor desenhador de moda pela revista Time e, graças ao seu trabalho na Yves Saint Laurent, Ford foi de novo eleito estilista internacional do ano.
Em abril de 2004, Ford abandonou a Gucci e a Yves Saint Laurent, devido a um desentendimento com o CEO do grupo Gucci, Domenico de Sole.
Como referenciar: Porto Editora – Tom Ford na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-01-20 05:37:41]. Disponível em