touro

Mamífero artiodáctilo da família dos Bovídeos. O touro (Bos taurus) é considerado descendente do auroque (Bos primigenises). A característica mais marcante da família dos Bovídeos é possuírem cornos na parte anterior da cabeça que são prolongamentos ósseos do osso frontal, cobertos por uma camada córnea ou epidérmica. O touro não renova anualmente as hastes como acontece com os Cervídeos. As suas hastes crescem ao longo de toda a vida do animal, embora apenas um milímetro por ano. A dentição dos Bovídeos é caracterizada por na mandíbula superior não existirem dentes incisivos e caninos. Quando o touro está a comer, a língua e os dentes inferiores comprimem as ervas contra a placa córnea da maxila superior que substitui os dentes incisivos e caninos.
Em estado selvagem os Bovídeos vivem em pequenos grupos, com um único touro rodeado por algumas fêmeas e as suas crias. Dotado de bom ouvido e sentido do cheiro desenvolvido põe-se em fuga quando sente o perigo. O touro é herbívoro consumindo grande quantidade de erva. Come também cenouras, beterrabas e sal.
Entre os touros a pelagem avermelhada corresponde às formas primitivas enquanto a cor negra é considerada uma especialização.
Como referenciar: touro in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-08-24 13:17:30]. Disponível na Internet: