Troia

Cidade da antiga Tróade, no Noroeste da Ásia Menor, atual Turquia, na colina de Hisarik. Segundo Homero, a cidade foi cercada pelos Gregos devido a Páris ter raptado Helena, mulher de Menelau. As suas ruínas tornaram-se o centro arqueológico do mundo antigo. Escavações feitas a partir do século XIX por Heinrich Schliemann em 1871-72, revelaram a existência de nove cidades sobrepostas a partir do terceiro milénio antes da Era Cristã. A colina de Troia compunha-se de 9 camadas estratigráficas sobrepostas segundo o arqueólogo alemão W. Dorpfeld (1893-94). A Troia de Homero estaria situada na 2.a e 3.a camada (estrato) segundo Schliemann, embora Dorpfeld defendesse que era na 6.a. Tudo indica ter sido fundada entre 1500 e 1200 a. C., no fim do "período micénico". Depois da destruição, Troia foi ocupada por outros povos, como os Romanos, os últimos, que lhe chamavam Yllium Novum (Nova Cidade). A lenda de Troia é o tema mais notável da antiga literatura grega e a base da Ilíada de Homero.
Troia está inscrita na lista do Património Mundial da UNESCO sob a designação Estação Arqueológica de Troia.
Como referenciar: Troia in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-12-10 11:10:01]. Disponível na Internet: