Trovante

Grupo formado em 1977, os Trovante contaram na sua formação com Luís Represas (voz) Manuel Faria (teclas) João Gil (guitarra) Artur Costa (instrumentos de sopro) Fernando Júdice (baixo) José Martins (teclas e outros instrumentos) e José Salgueiro (bateria).
O álbum de estreia, Chão Nosso (1977), revelou desde logo uma sonoridade próxima das raízes tradicionais, que se cruzou ao longo dos anos com o rock, o jazz, e a música africana. Precedido de Em Nome da Vida (1979), surgiu em 1981 Baile No Bosque (1981), álbum que marcou a massificação do sucesso do grupo.
Seguiram-se os seguintes álbuns de originais: Cais Das Colinas (1983), 84 (1984), Sepes (1986), Terra Firme (1987) e Um Destes Dias (1990). Em 1988 foi editado Ao Vivo No Campo Pequeno, que proporcionou ao grupo um disco de platina. Em 1991 surgiu Saudades do Futuro - O Melhor Dos Trovante (1991), um CD duplo que reuniu os temas mais representativos da banda, como "Balada Das Sete Saias", "Saudade", "Perdidamente", "Memórias De Um Beijo", "125 Azul" e "Timor", entre outros. Em 1992 foi anunciado o fim do grupo.
Em 12 de maio de 1999 os Trovante voltaram a reunir-se para um concerto no Pavilhão Atlântico em Lisboa.
Como referenciar: Trovante in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2018. [consult. 2018-12-19 14:34:35]. Disponível na Internet: