Uriel da Costa

Escritor e pensador português nascido cerca de 1580, no Porto, e falecido em 1640, em Amesterdão. Formou-se em Direito Canónico em Coimbra. Em 1615 aderiu ao Judaísmo, mudou de nome de Gabriel para Uriel e emigrou. Devido às suas ideias que negavam a imortalidade da alma, foi repudiado pelos amigos e pela família, acabando por se suicidar. Teve grande influência na especulação filosófica de Espinosa, através do seu deísmo, que recusava todas as formas de revelação divina. São de sua autoria as obras Propostas Contra a Tradição (1616), Exame das Tradições Farisaicas (1624) e Exemplar vitae humanae (1640), uma autobiografia.
Como referenciar: Uriel da Costa in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-10-23 22:44:20]. Disponível na Internet: