Vasques Calafate

Professor, escritor e jornalista português, Caetano Vasques Calafate nasceu a 12 de maio de 1890, na Póvoa de Varzim, no distrito do Porto.
Concluiu os estudos secundários no Liceu D. Manuel II (atual Escola Secundária Rodrigues de Freitas), no Porto, e foi para Lisboa, onde frequentou o Curso Superior de Letras. Exerceu o magistério no Liceu da Póvoa de Varzim e no Instituto Comercial do Porto e foi presidente da Câmara Municipal da Póvoa de Varzim.
Dedicou-se à defesa da classe piscatória e lançou uma forte campanha pela construção do porto de pesca da Póvoa de Varzim, concluído na década de 60, e pela construção da Casa dos Pescadores, que foi a primeira do país a ser edificada, em 1926.
Colaborou com a imprensa, como com O Comércio da Póvoa e O Comércio do Porto e publicou algumas obras, tais como Moral e Religião (1920), Otimistas e Pessimistas (1949), A Vocação Colonizadora dos Portugueses (1961) e Verbo, Vigor e Acção (1966).
Vasques Calafate faleceu a 4 de dezembro de 1963, na Póvoa de Varzim. A comunidade povoense ergueu-lhe um monumento do qual foi autor o seu filho e arquiteto Rui Calafate.
Como referenciar: Porto Editora – Vasques Calafate na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-01-28 22:01:59]. Disponível em