volapuque

Língua artificial concebida no século XVIII pelo sacerdote Johann Martin Schleyer (1839-1913). O criador pretendia que a língua universal contribuísse para a ideia da unidade cristã e da concórdia política. O seu léxico e a gramática são baseados no inglês.
Apesar do entusiasmo e empenho dos seus partidários a língua nunca conseguiu ultrapassar os limites dos circuitos dos seus entusiastas e chegar a ser idioma de impacto verdadeiramente internacional e universal. Neste aspeto, o volapük foi só uma tentativa utópica de construção de um idioma universal que permitisse ultrapassar o problema de multilinguismo.
A História universal conhece várias tentativas de criação de idiomas artificiais concebidas com o objetivo de resolver o problema mítico da Torre de Babel.
Como referenciar: Porto Editora – volapuque na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-08-01 09:38:04]. Disponível em