Whiskey Rebellion

No ano de 1794 ocorreram nos Estados Unidos da América diversos distúrbios, motivados pela criação de um imposto incidente sobre o uísque. Estes acontecimentos, denominados a Whiskey Rebellion, têm especial relevância na História americana, porque marcaram uma posição de força do Governo Federal, que soube impor as suas leis e afirmar o poder inequívoco do presidente.
Esta taxa, criada pelo secretário do Tesouro do Governo federalista, recaiu sobre as regiões produtoras desta bebida alcoólica, atingindo os agricultores e destiladores, que se revoltaram contra a imposição da autoridade. A situação foi agravada quando no meio de toda a exaltação foi morto um oficial.
O presidente George Washington reprimiu as rebeliões e tentou negociar um acordo com os delegados dos queixosos. Estas negociações não foram bem sucedidas e o presidente resolveu recorrer à milícia para controlar os revoltosos, que não ofereceram grande resistência às forças da lei. No final deste episódio da História norte-americana só dois indivíduos foram condenados por traição e os restantes foram perdoados.
Como referenciar: Whiskey Rebellion in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-12-12 08:53:06]. Disponível na Internet: