William Mackenzie

Político escocês, de nome completo William Lyon Mackenzie, nasceu a 12 de março de 1795, em Springfield, e morreu a 28 de agosto de 1861. Em 1820 instalou-se no Canadá, onde viria, anos mais tarde, a liderar uma revolta (1837). No ano de 1824 fundou um periódico intitulado Colonial Advocate, a partir do qual lançava fortes ataques ao Governo provincial inglês. Quatro anos depois (1828) foi eleito nas legislativas para a Assembleia da atual cidade de Ontário, como representante de York, hoje Toronto; todavia foi expulso da Assembleia por criticar severamente o Governo no seu jornal. Foi novamente eleito quatro vezes.
Em 1832 viajou até à Grã-Bretanha para apresentar uma petição relativa a reformas a implementar no Governo britânico, e em 1834 voltou ao seu país de adoção, desta feita para ser eleito o primeiro Mayor de Toronto. Nesse ano foi também eleito para o Parlamento, onde o Partido Reformista era já maioritário, mas em 1836 não conseguiu ser reeleito porque agora a vantagem era dos conservadores.
Com a derrota do seu partido tornou-se um porta-voz da revolta, e em 1836 lançou um novo jornal, Constitution, onde defendia a criação de um governo republicano para o Canadá Superior. Liderou, em 1837, um grupo rebelde em Toronto, que pretendia estabelecer um governo provisional. Apesar do seu esforço foi derrotado e refugiou-se aos Estados Unidos da América. Aqui fixou-se junto do rio Niagara. A fuga para os EUA não evitou a sua captura e prisão. Em 1849 voltou ao Canadá, e entre 1851 e 1858 fez parte da Assembleia canadiana.
Como referenciar: William Mackenzie in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-03-30 10:55:04]. Disponível na Internet: