Xerxes I

Apelidado de o Grande, Xerxes I foi rei da Pérsia entre 485 e 465 a. C., sucedendo a seu pai Dario I, morto em 486 a. C.
Cedo mostrou intenção de invadir a Grécia, tal como desejara seu pai, mas isso só sucederia em 486 a. C., uma vez que até aí tinha estado a controlar a satrapia egípcia que se revoltou contra a carga fiscal que lhes foi imposta, e que previa gerar dividendos para a invasão grega.
Para evitar um desaire naval como o sucedido em Atos, preparou a invasão abrindo um canal através do estreito promontório do monte. Construiu também uma ponte sobre o Helesponto, por onde mandou avançar o exército em 480 a. C., num total de aproximadamente 180 000 homens.
O avanço prosseguiu em Termópilas, onde venceu os gregos, mas foi derrotado na batalha de Salamina nesse mesmo ano. Após a derrota retirou-se para a Ásia, onde foi assassinado, sucedendo-lhe o seu filho Artaxerxes I.
Como referenciar: Porto Editora – Xerxes I na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-09-20 05:34:35]. Disponível em