Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Anne Frank

Judia alemã, Anne Frank nasceu a 12 de junho de 1929, em Frankfurt am Main, e morreu a 31 de março de 1945, em Bergen-Belsen. Filha de um comerciante, viveu com a sua família em Frankfurt até que à chegada ao poder do partido nazi se seguiu um agravamento das manifestações de antissemitismo no país. Em 1941, a família emigrou para a Holanda, mais precisamente Amesterdão, onde Anne passou a viver confinada a um esconderijo.

Durante dois anos, escreveu um diário em que relata a experiência da perseguição movida pelos nazis e fala dos terrores que se abatiam sobre os que com ela partilhavam aquele pequeno espaço. A família acabou por ser descoberta e transportada para o campo de concentração de Bergen-Belsen, onde Anne e sua mãe viriam a morrer.
Anne Frank, célebre pelo seu Diário

O diário de Anne Frank é um dos mais vivos testemunhos do horror que o mundo conheceu. Encontra-se traduzido em mais de trinta línguas e fez da sua jovem autora um símbolo do sofrimento dos inocentes perante a injustiça.

A casa de Amesterdão que albergou a família Frank é hoje um museu.
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – Anne Frank na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-08-10 21:29:14]. Disponível em

Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais