Brendan Gleeson

Ator irlandês, Brendan Gleeson nasceu a 9 de novembro de 1955 em Dublin. Foi professor durante dez anos antes de tentar a sua sorte como ator, mas a sua paixão pela representação já vinha de trás. Em pequeno, atuava em produções caseiras e, enquanto estava a estudar na universidade, chegou a ir a uma audição para o Teatro Nacional da Irlanda, o Teatro Abbey, mas, como a experiência lhe terá corrido muito mal, pôs de parte esse seu sonho e enveredou pelo ensino. Aos 34 anos, quis tentar novamente a sua sorte como ator e estreou-se no teatro com um pequeno papel. Fez parte da Companhia Real de Shakespeare, em Inglaterra, na década de 80, onde chegou a representar King Lear e King Richard II. Depois disso, fez dois papéis para a televisão e a sua estreia no grande ecrã aconteceu em 1990, no filme The Field (Esta Terra é Minha), onde tinha um pequeno papel. Seguiram-se vários filmes e colaborações na televisão, tendo sido um deles a representar a figura histórica irlandesa Michael Collins no telefilme The Treaty (1991) e, em 1995, teve a sua grande oportunidade ao representar ao lado de Mel Gibson em Braveheart (O Desafio do Guerreiro). Participou depois em dois filmes de Neil Jordan: Michael Collins (1996), ao lado de Liam Neeson e Julia Roberts, um filme sobre o líder da IRA, e a comédia dramática The Butcher Boy (O Rapaz do Talho, 1997), adaptação do romance de Pat McCabe.
Em 1998, protagonizou The General (O General), a história verídica do gangster irlandês Martin Cahill, personagem de Gleeson que lhe trouxe vários prémios, incluindo o da Sociedade de Críticos de Cinema de Boston.
Em 2000, participou em Mission: Impossible II (Missão Impossível 2), de John Woo e Harrison's Flowers (As Flores de Harrison) e protagonizou Wild About Harry. No ano seguinte, entrou em The Tailor of Panama (O Alfaiate do Panamá), de John Boorman, ao lado de Pierce Brosnan e Geoffrey Rush, e em Artificial Intelligence (A.I. - Inteligência Artificial), de Steven Spielberg.
Depois disso, protagonizaria ainda sucessos como 28 Days Later (28 Dias Depois, 2002), de Danny Boyle; representou o papel de Walter "Monk" McGinn em Gangs of New York (Gangs de Nova Iorque, 2002), de Martin Scorsese; entrou no filme de Anthony Minghella Cold Mountain (2003), num elenco composto por Jude Law, Nicole Kidman e Renée Zellweger; fez de Menelaus no épico Troy (Troia, 2004), e teve ainda tempo de atuar no thriller de M. Night Shyamalan, The Village (A Vila, 2004).
Como referenciar: Brendan Gleeson in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-11-30 04:04:50]. Disponível na Internet: