cavalo

Mamífero da ordem dos perissodáctilos, família dos Equídeos representados, nos dias de hoje, por uma única espécie o Equus caballus que inclui formas domesticadas variadas e que possui ainda um representante no estado selvagem o Equus przwalskii, indivíduo com um comprimento compreendido entre 2,20 e 2,80 metros com pelagem pardo-avermelhada e com uma faixa escura ao longo do dorso. A ponta do focinho e o abdómen são brancos. A parte inferior das patas é negra e a crina também é negra e hirsuta.
Habita regiões que vão da Europa Ocidental à Ásia Central, mas hoje possivelmente, existirão algumas manadas na Mongólia e China Ocidental. É um corredor veloz e resistente vivendo as éguas e os potros em grupos familiares de 20 indivíduos dirigidos por um adulto reprodutor e dominante. Alimenta-se de ervas e gramíneas. O acasalamento ocorre em geral na primavera e a gestação dura cerca de 340 dias. Nasce um potro que é capaz de se levantar imediatamente.
O cavalo representou um papel notável na evolução das civilizações. O interesse por este animal vem diminuindo se bem que no campo desportivo mantenha ainda a sua importância. O cavalo é também utilizado como produtor de carne, na tração, na carga, etc.
Em Portugal distinguem-se dois tipos de cavalo: um ao Norte, o cavalo céltico que compreende duas raças a galiziana e a castelhana; e outro no Sul, o bético lusitano, hoje mais designado por lusitano. O cavalo de Alter é do tipo lusitano.
Como referenciar: cavalo in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-05-22 04:17:17]. Disponível na Internet: