Estudos Críticos. Apreciações Literárias (3 vols.)

Três volumes de ensaios de crítica literária, correspondentes aos volumes 32 a 34 da edição das Obras Completas de Rebelo da Silva, reunindo artigos publicados entre 1845 e 1865 em periódicos como A Época, a Revista Peninsular, o Arquivo Pitoresco e a Revista Universal Lisbonense, sobre Garrett, Herculano, Mendes Leal, Ernesto Biester, Camilo, Gomes de Amorim, Bulhão Pato e Lopes de Mendonça, entre outros. Dos muitos textos, destacam-se, pela sua importância, "A escola moderna literária. O Sr. Garrett" (inicialmente publicado em A Época, em 1848) e "Escritores contemporâneos. Alexandre Herculano" (surgido na Revista Peninsular, em 1855).
No primeiro artigo, Rebelo da Silva analisa detalhadamente o papel de Garrett enquanto fundador da escola moderna em Portugal ("O Sr. Garrett não é só um poeta, é uma literatura inteira"). Contrapondo a autenticidade e a originalidade da estética romântica à falsidade e ao convencionalismo da estética clássica, o crítico aponta a primeira como sendo aquela que, ao serviço do povo e do cristianismo, se ajusta aos valores da época atual, fazendo-se "o monumento e o evangelho da civilização".No segundo, debruça-se sobre Garrett e Herculano na sua qualidade de motores da "regeneração das letras": "Atando as tradições obliteradas da nossa nacionalidade heroica, um na harpa muda até então dos trovadores, e o outro na tela animada do romance e nas páginas do livro histórico, ressuscitaram o passado; e, consolando os dias de tristeza da decadência atual, disseram apontando-nos para um túmulo: eis o que foram vossos avós! - eis os títulos de nobreza da vossa genealogia entre as nações!".
Como referenciar: Estudos Críticos. Apreciações Literárias (3 vols.) in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-02-18 22:47:51]. Disponível na Internet: