Eugène Delacroix

Pintor francês representativo do Romantismo, Eugène Delacroix nasceu a 26 de abril de 1798, em Val-de-Marne. Em 1815 foi aluno de Pierre-Narcise Guérin. A sua criatividade é revelada em Dante e Virgílio nos Infernos (1822) e na obra monumental Cenas dos Massacres de Scio (1824), comprada pelo governo francês. A técnica da sua pincelada seria posteriormente usada pelos impressionistas. De visita a Inglaterra, familiariza-se com William Shakespeare e Byron e com a pintura de Constable e Bonington. Em 1827 expõe A Morte de Sardanapalo, quadro inspirado pela poesia de Lord Byron. Entretanto executa uma série de litografias para a edição francesa de Fausto, da autoria de Goethe e A Liberdade Guiando o Povo (1831), o último quadro verdadeiramente representativo da estética romântica. O exotismo do Norte de África influenciou uma nova fase da sua pintura. Em Mulheres de Alger o seu génio excede-se na subtileza das tonalidades e dos jogos de luz. A partir de 1833 recebeu encomendas oficiais para a decoração de edifícios parisienses. Em toda a carreira, produziu cerca de 850 quadros e inúmeros desenhos, aguarelas, murais e litografias. Veio a falecer em Paris, a 13 de agosto de 1863.
Como referenciar: Eugène Delacroix in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-09-15 09:18:17]. Disponível na Internet: