Felicitas Julia Olisipo

Povoada desde a Pré-História, a importante cidade de Lisboa recebeu na Antiguidade o nome de Felicitas Julia Olisipo (ou Olisippo). Há diversas teorias sobre a origem do nome, entre as quais a da junção lys (palavra céltica para Tejo) mais ipo (de origem fenícia) tendo no início o prefixo o. Indubitavelmente, a palavra teve uma raiz autóctone e foi alterada pelos helenos ou romanos. Platão (século IV a. C.) denomina também um dos seus personagens da alegoria da Atlântida de Elásipos, filho de Neptuno, deus do mar, e descreve a fauna e geografia local com bastante verosimilhança.
Marciano Capela, Solino, santo Isidoro de Sevilha e Damião de Góis, entre outros, puseram a hipótese do nome derivar de Ulisses, que segundo a lenda teria conquistado a cidade na Antiguidade.
O facto de ter havido na região de Lisboa cavalos velozes levou a que fosse pensada esta característica para atribuição do nome, uma vez que a terminação ippos alude aos equinos.
Como referenciar: Felicitas Julia Olisipo in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-09-21 19:32:19]. Disponível na Internet: