Humberto Coelho

Ex-futebolista e treinador de futebol português, Humberto Manuel de Jesus Coelho nasceu a 20 de abril de 1950, no Porto.
Começou a jogar futebol no Arsenal do Bessa, mas aos 14 anos passou para o Ramaldense, para alinhar nos juvenis. As suas boas exibições levaram o Sport Lisboa e Benfica a contratá-lo em 1966 para a formação júnior.
A 8 de agosto de 1968, com apenas 18 anos, Humberto Coelho estreou-se na equipa principal do Benfica num jogo com o Clube de Remo de Belém do Pará, oriundo do Brasil. A 27 de outubro desse mesmo ano fez o primeiro jogo pela seleção portuguesa e no final da temporada 1968/69 sagrou-se campeão nacional pelo Benfica, onde também venceu a Taça de Portugal. Esteve no Benfica até 1975 e alcançou o estatuto de um dos melhores defesas centrais da Europa. Na temporada 1975/76 foi jogar para o campeonato francês, representando o Paris St. Germain, um dos mais prestigiados clubes da Europa. Até então já tinha sido campeão pelo Benfica por cinco vezes e tinha ganho três taças de Portugal.
Mas a experiência em França correu mal e um ano depois Humberto estava de volta ao Benfica para somar mais três títulos e três Taças de Portugal, sempre com o estatuto de titular, tal como acontecia na seleção. O defesa participou ainda na final da Taça UEFA 1982/83 (uma das mais prestigiadas competições europeias de clubes) que o Benfica perdeu para os belgas do Anderlecht.
Humberto Coelho representou por 64 vezes a seleção, o que na altura constituía um recorde em Portugal. Ajudou Portugal a qualificar-se para o Europeu de 1984, disputado em França, mas não pôde estar presente nesta competição porque deixou de jogar em 1983 devido a uma lesão. No seu currículo constam ainda 58 golos, número notável para um defesa.
Humberto Coelho manteve-se ligado ao desporto e fundou uma escola de futebol para crianças. Acabou por se tornar treinador, tendo orientado equipas como o Salgueiros e o Braga, embora sem conseguir grandes resultados.
Com alguma surpresa em 1998 foi escolhido para selecionador nacional, conseguiu apurar Portugal para o Europeu 2000, que teve lugar na Bélgica e na Holanda. Nesta prova, Portugal foi uma sensação e chegou às meias-finais. Mesmo assim Humberto Coelho deixou o comando da seleção e, pouco tempo depoi,s passou a orientar Marrocos e, posteriormente, a Coreia do Sul.
Como referenciar: Humberto Coelho in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-05-24 10:02:13]. Disponível na Internet: