jazigos minerais hidrotermais

Aquando da diferenciação magmática, podem originar-se como produto final fluidos com predomínio da fase líquida, geralmente com temperatura inferior a 250 oC, nos quais se podem encontrar elementos químicos com interesse económico. À medida que os fluidos vão arrefecendo, originam depósitos hidrotermais, que ocorrem a mais alta temperatura quando próximos da intrusão, a depósitos de temperatura intermédia, quando se constituem a determinada distância da mesma, e a depósitos de baixa temperatura, quando a distâncias significativas da intrusão. Segundo a terminologia de Lindgran, estes depósitos denominam-se hipotermais, mesotermais e epitermais.
Na sua deslocação através das rochas, as soluções hidrotermais vão depositando o seu conteúdo mineral originando filões de variados tipos (fissura, fratura, cristas de dobras, veios, etc.). Por substituição metassomática originam depósitos de substituição. Por processos hidrotermais podem formar-se jazigos minerais de ouro, prata, galenite, calcopirite, antimonite, molibdenite, volframite, etc.
Como referenciar: jazigos minerais hidrotermais in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-09-18 12:20:15]. Disponível na Internet: