Johann Strauss (filho)

Compositor austríaco famoso pelas suas valsas vienenses e pelas operetas que compôs. Nasceu em 1825, em Viena, na Áustria, e morreu em 1899, também em Viena. Filho do famoso compositor Johann Strauss, o jovem Strauss Jr. teve que lidar com a proibição, imposta pelo pai, de seguir uma carreira musical. Mesmo assim, demonstrou sempre uma maior dedicação às suas lições secretas de violino, em detrimento do trabalho na escola. O seu primeiro concerto, em 1844, aconteceu num subúrbio de Viena, conseguindo um êxito assinalável e que depressa catapultou o seu nome para o reconhecimento. Na ocasião da morte do pai, em 1849, Strauss Jr. era já uma referência nos meios culturais austríacos, conquistando nesses meandros o epíteto de rei da valsa vienesa. Graças a esse estilo musical, do qual não pode ser dissociado, fez furor a nível mundial, granjeando o apoio de inúmeros seguidores da sua música.
Viajou pela Áustria, Polónia e Alemanha. Em 1855, foi contratado para uma série de atuações, durante dez anos, no Petropaulovsky Park, em São Petersburgo. Depois da valsa, influenciado pelas operetas de Offenbach, Strauss Jr. produziu algumas peças nesse formato. De entre as 17 operetas que compôs, merece nota de destaque a sua primeira, Die Fledermaus (1871). Além deste, o seu trabalho mais célebre, comummente designado O Danúbio Azul, tornou-se uma espécie de hino não oficial da Áustria e, simultaneamente, a sua peça mais conhecida.
Em 1872, conduziu vários concertos em Nova Iorque e em Boston.
A sua obra é relativamente extensa e abarca diversos estilos. Johann Strauss Jr. compôs 17 operetas, um bailado inacabado (Cinderella 1899) e cerca de 400 valsas, polkas e outras danças. Para além das peças já referidas, uma menção para as valsas Rosen aus dem Süden (Rosas do Sul, 1880), Kaiser - Waltzer (A Valsa do Imperador, 1888) e Geschichten aus dem Wienerwald (Histórias dos Bosques de Viena, 1868).
Como referenciar: Johann Strauss (filho) in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-08-21 08:28:54]. Disponível na Internet: