John Dewey

Pedagogo, psicólogo e filósofo norte-americano, nascido em 1859, foi professor na Universidade do Michigan e, a partir de 1894, na Universidade de Chicago onde dirigiu o Departamento de Filosofia e de Educação. Opondo-se à escola tradicional, põe em causa a forma como as crianças eram educadas: a relação autoritária deveria ser substituída por um clima democrático e livre em que a educação estivesse centrada nas crianças. Estas deveriam ser estimuladas a organizar o seu trabalho, a encontrar as soluções para os obstáculos com que se deparam, a resolver problemas, a desenvolver projetos. A criança teria, assim, um papel ativo no processo de aprendizagem.
Considerado o percursor da pedagogia de projeto, a escola é o espaço onde se aprende a aprender. O papel ativo que a criança tem no processo de desenvolvimento, bem como a noção de estádio de desenvolvimento, antecipam alguns aspetos da teoria de Piaget. A escola, espaço de educação para a cidadania, deveria ser uma organização democrática. De entre as suas obras pode-se destacar: School and Society, Democracy and Education e Human Nature and Conduct. Morreu em 1952, com 93 anos, mantendo-se ativo até à morte.
Como referenciar: John Dewey in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-11-17 14:51:52]. Disponível na Internet: