Liechtenstein

Geografia
Principado europeu da Europa Central. Situado entre a Suíça e a Áustria, possui uma área de 160 km2. As cidades mais importantes são Vaduz, a capital, com 5200 habitantes (2004), e Schaan, com 5800 habitantes.

Clima O clima é temperado continental. Sofre a ação do vento Föhn, quente e seco, que sopra de sul.

Economia
O Liechtenstein não tem recursos naturais de valor comercial e, também, não tem indústria pesada. Os produtos industriais existentes são as lentes óticas, o equipamento eletrónico, os produtos farmacêuticos e os produtos alimentares. As culturas dominantes são o milho, a batata, o trigo, a cevada e os vegetais.
Indicador ambiental: o valor das emissões de dióxido de carbono, per capita (toneladas métricas, 1999), é de 0,8.

População
A população encontra-se estimada em 33 987 habitantes (2006), o que corresponde a uma densidade de aproximadamente 210,75 hab./km2. As taxas de natalidade e de mortalidade são, respetivamente, de 10,21%o e 7,18%o. A esperança média de vida é de 79,68 anos. Estima-se que, em 2025, a população seja de 38 000 habitantes. Os naturais do Liechtenstein são 62% da população, seguindo-se-lhes os suíços (16%), os austríacos (8%) e os alemães (4%). As religiões com maior expressão são a católica, com 80%, e a protestante, com 7%. A língua oficial é o alemão.

História
Ao longo dos séculos o território do Liechtenstein foi ocupado por duas suseranias: a do Sacro Império Romano e a de Vaduz e de Schellenberg. O principado do Liechtenstein, fundado em 1719, consiste nestas duas suseranias. Entre 1806 e 1815, o território fez parte da Confederação do Reno e, entre 1815 e 1866, integrou a Confederação Alemã. Em 1866, o Liechtenstein tornou-se independente, mas as regiões de Vaduz e de Schellenberg continuam a ser distritos eleitorais separados.
Atualmente, o Liechtenstein é uma monarquia constitucional em que o poder governamental deriva do príncipe e da população. A sucessão do trono é hereditária pela linha masculina e é determinada pelos regulamentos da Casa Real. Só em 1984 é que as mulheres, com idade superior a 20 anos, conquistaram o direito ao voto em assuntos nacionais, mas não locais. Embora exista uma força policial, desde 1868 que o exército foi abolido.
Como referenciar: Liechtenstein in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-06-17 07:59:36]. Disponível na Internet: