lítio

O lítio (Li) é um elemento químico metálico pertencente ao grupo dos metais alcalinos, monovalente, de cor branco-prateada, brando, macio, atacado pelo ar húmido, reage lentamente com o oxigénio e a água, e localiza-se no grupo 1 e período 2 da Tabela Periódica. Possui número atómico 3 e massa atómica 6,941 e é o mais leve dos elementos sólidos à temperatura ambiente.

Este elemento foi descoberto em 1817 em Estocolmo, Suécia, pelo químico sueco Johann Arfvedson e foi isolado pelo químico alemão Robert Wilhelm Bunsen (1811-1899) e Mattiessen, em 1855. Obtém-se por eletrólise do cloreto de lítio fundido.

O nome lítio deriva do grego lithos que significa pedra. Na Natureza, o lítio mineral encontra-se muito espalhado, embora apenas ocorra em pequenas concentrações.

Os sais de lítio proporcionam uma cor vermelha intensa à chama não luminosa (reação de identificação do lítio em análise química).

Os compostos mais importantes de lítio são o carbonato de lítio (Li2CO3), que, em contraste com os carbonetos de outros metais alcalinos, é dificilmente solúvel em água; o fosfato de lítio (Li3PO4); o cloreto de lítio (LiCl), solúvel em álcool; o hidróxido de lítio (LiOH), base forte; e o hidróxido de alumínio e lítio (alanato).

O lítio utiliza-se para obtenção do trítio (isótopo de hidrogénio), como componente de ligas (com alumínio e magnésio) e como catalisador em reações de química orgânica. É também muito utilizado na construção de baterias.

O isótopo 6Li emprega-se como deutero-hidreto de lítio em bombas de hidrogénio.

O brometo de lítio usa-se como sedativo, o carbonato de lítio contra a gota e o citrato de lítio para o tratamento de estados depressivos.

Como referenciar: lítio in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2021. [consult. 2021-04-17 23:46:32]. Disponível na Internet: