Mart'nália

Compositora, cantora e instrumentista brasileira, Mart'nália Mendonça é filha do sambista Martinho da Vila, tendo começado a carreira artística ao lado da irmã Analimar, em vários espetáculos e discos do pai, como voz de suporte. Em 1985, lançaria o primeiro registo a solo. Em 1994, integrou o grupo Batacotô, com quem lançaria o disco Semba dos Ancestrais. Em paralelo, a compositora foi escrevendo canções e publicaria o segundo registo do seu percurso, dez anos depois da estreia. Soltando-se gradualmente da influência do pai, um dos nomes maiores da música carioca, Mart'nália começou a apresentar-se com alguma frequência no circuito de bares do Rio de Janeiro, conquistando outro estatuto junto da comunidade melómana. A crescente mediatização dos seus espetáculos e o tom festivo da sua música justificariam o interesse das editoras, culminando na terceira gravação em nome próprio, Pé do Meu Samba, lançada em 2002. Recorrentemente elogiada pelas suas atuações ao vivo e pela consequente adesão de um número cada vez maior de seguidores, editaria, três anos depois, um álbum ao vivo, captando a essência dos seus espetáculos. No ano seguinte, pela mão da editora de Maria Bethânia (convidada para a direção artística do disco), lançaria o registo mais ambicioso da sua carreira, cruzando diferentes latitudes da música brasileira e firmando uma assinatura própria, definitivamente emancipada da sombra do pai. Entre os compositores do álbum estavam Caetano Veloso, Ana Carolina e Zélia Duncan e nas colaborações instrumentais figuravam os nomes de Paulinho Moska, Celso Fonseca e Totonho Villeroy.
Discografia
1985, Mart'nália
1995, Minha Cara
2002, Pé do Meu Samba
2005, Ao Vivo
2006, Menino do Rio
Como referenciar: Porto Editora – Mart'nália na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-10-20 04:51:53]. Disponível em