Pedro Pires

Político e governante cabo-verdiano, Pedro Verona Rodrigues Pires, nascido a 29 de abril de 1934, em São Filipe, na ilha do Fogo, tomou posse como presidente de Cabo Verde em março de 2001 e foi reconduzido no cargo em 2006.
Pedro Pires frequentou o liceu de São Vicente, na Ilha do Fogo, antes de partir, em 1956, para Portugal, para prosseguir os estudos na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa.
Pedro Pires cumpriu serviço militar na Força Aérea Portuguesa (FAP). Contudo, em junho de 1961 desertou da FAP e fugiu de Portugal, incomodado com a crise que estalou em Angola. Foi viver para o Gana, onde conheceu o guineense Amílcar Cabral, com quem viria a fundar o PAIGC (Partido Africano para a Independência de Guiné-Bissau e de Cabo Verde), que serviu para lutar pela independência dos respetivos países. Entre 1961 e 1974, Pedro Pires lutou na Guiné-Bissau com Amílcar Cabral, tanto nível militar como diplomático, pela independência daquela colónia portuguesa.
Depois da Revolução do 25 de abril de 1974, representou Cabo Verde nas negociações com Portugal, que tiveram lugar em Argel e em Lisboa. Cabo Verde tornou-se independente a 5 de julho de 1975 e Pedro Pires foi designado primeiro-ministro, função que desempenhou até 1990, num regime de partido único liderado pelo PAIGC. Entretanto, os governos liderados por Pedro Pires apostaram nas relações externas para pedir ajuda para Cabo Verde, onde foram implantados programas de alfabetização e formação de quadros no estrangeiro. Simultaneamente, foi feita uma grande aposta na pesca industrial e no combate à desertificação.
Em 1991, o multipartidarismo chegou a Cabo Verde, para o que contribuiu o próprio Pedro Pires.
Dez anos depois, em 2001, Pedro Pires concorreu às eleições presidenciais e bateu o rival Carlos Veiga por apenas 17 votos. Tomou posse a 22 de março de 2001, sucedendo a António Mascarenhas Monteiro. A 12 de fevereiro de 2006, foi reeleito presidente de Cabo Verde, tendo tomado posse a 21 de março desse ano.
Como referenciar: Pedro Pires in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-07-16 23:17:13]. Disponível na Internet: