Roy Orbison

Cantor e compositor norte-americano, Roy Kelton Orbison, nascido a 23 de abril de 1923, em Vernon, no Texas, foi contemporâneo de Elvis Presley e uma das figuras lendárias do Rock and Roll, destacando-se sobretudo pelas suas baladas.

Iniciou a sua carreira em 1956 com o single Ooby Dooby, seguindo-se-lhe um conjunto de singles de sucesso que se prolongaram até à década de 60: Only The Lonely (1960), I'm Hurtin' (1960), Running Scared (1961), Crying (1961), Dream Baby (1962), In Dreams (1963), Blue Bayou (1963), It's Over (1964) e Oh, Pretty Woman (1964) entre outros. Paralelamente desenvolveu a atividade de compositor para outros artistas de que "Claudette" e "Down The Line", cantados respetivamente por Everly Brothers e Jerry Lee Lewis, são exemplos.
A segunda metade da década de 60 marcou um declínio na sua carreira, ao qual não foram estranhos os acontecimentos trágicos que marcaram esta fase da sua vida: em 1966, a sua mulher, Claudette, morreu num acidente de mota, e em 1968 um incêndio destruiu a sua casa, tirando a vida a dois dos seus filhos.

Roy Orbison teve uma participação fugaz no cinema em The Fastest Guitar Alive (1967).

Nos anos 70 e 80 dedicou-se aos espetáculos em detrimento das gravações. Outros artistas recuperaram temas seus, como foi o caso de Linda Ronstadt ("Blue Bayou") e Don McLean ("Crying"). Em 1980 ganhou com Emmylou Harris o prémio Grammy para melhor interpretação country com o tema "That Loving You Feeling Again".

Em 1986 o tema "In Dreams" foi recuperado para a banda sonora do filme Blue Velvet. Em 1988, antes de falecer vítima de um ataque cardíaco a 6 de dezembro desse ano, envolveu-se no projeto The Traveling Wilburys (que incluiu George Harrison, Jeff Lyne, Bob Dylan e Tom Petty) e gravou o álbum a solo Mystery Girl (1989), o maior sucesso de vendas da sua carreira. Editado postumamente, este trabalho incluiu os êxitos "You Got It" e "She's A Mystery To Me" (composto por Bono).

Em 1996 foi editada a coletânea The Very Best Of Roy Orbison.

Roy Orbison marcou uma época na música pop mundial, deixando um legado valioso, que encantou várias gerações de apaixonados. O cunho pessoal de Orbison estendeu-se a trabalhos de outros artistas consagrados, em colaborações com Elvis Presley, Jerry Lee Lewis, Little Richard, Tom Petty, Ringo Starr e Emmylou Harris, entre outros.

Ao longo da sua carreira conseguiu vários êxitos destacando-se os temas "Running Scared", "Oh, Pretty Woman" e "You Got It". Foi laureado com quatro prémios Grammy, em 1980, 1986, 1988 e 1990.
Como referenciar: Roy Orbison in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-10-15 07:45:32]. Disponível na Internet: