S. Leão II

Papa italiano, eleito presumivelmente no mês de janeiro de 681, o imperador apenas deu a sua aprovação a 17 de agosto de 682 porque queria que este pontífice aprovasse as sessões do concílio de Constantinopla, que não tinha ainda terminado aquando da sua eleição.
Depois de aprovar as ditas decisões conciliares, entre as quais se encontrava a condenação do papa Honório, determinou inclusivamente que qualquer papa eleito a partir dessa data deveria repudiar a chamada Fórmula de Honório.
O imperador Constantino IV outorgou de novo o domínio exclusivo das sedes episcopais da península itálica ao papa, invalidando o decreto do seu pai, Constante II.
O seu papado terminou a 3 de julho de 683.
Como referenciar: S. Leão II in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-11-21 05:40:02]. Disponível na Internet: