Artigos de apoio

Senuseret II
Quarto rei da XXII Dinastia, com reinados apontados entre os anos de 1897 e 1970 a. C. ou 1897 e 1878 a. C. Filho de Amenemhet II, Senuseret ou Sesóstris II foi corregente e tomou a designação de Khakheperra quando tomou o poder. Uma das suas mulheres foi a rainha Nefret (que poderá ter sido também sua irmã), sendo a principal delas Weret ou Khnumetneferhedjetweret, com a qual teve o filho que reinaria com o nome de Senuseret III. A pirâmide de Senuseret II encontra-se em Lahun ou Kahun, onde as escavações revelaram restos de um povoado surgido especificamente para a construção do complexo funerário e culto subsequente. Na mesma pirâmide foram encontradas as joias de Sithathoriunet, que foi provavelmente uma das irmãs do rei. Os restos mortais dos familiares do rei encontraram-se no lado sul da pirâmide real, assim como uma coroa uraeus em ouro, que se presume ter pertencido à múmia de Senuseret II, uma vez que o sarcófago, em granito vermelho, estava vazio.
Durante o reinado deste governante verificou-se um intenso tráfico comercial com o Próximo Oriente, assim como um continuar das campanhas núbias para assegurar o controlo da extração e transação de produtos neste país, mas não se encontraram registos de conflitos armados. Na zona de Faium foi, nesta altura, iniciado um projeto de irrigação que pretendia tornar uma maior quantidade de terras apta a receber cultivo, pelo que, entre outras medidas, foram construídos canais e diques de ligação ao canal Bar Yussef. Este projeto apenas se concluiria no reinado de Amenemhat III. Pelo investimento efetuado durante este reinado na região de Faium deduz-se que tenha sido uma das mais importantes, se não a mais importante do Egito de então, até porque o complexo funerário e o palácio de Senuseret II se situam em Faium.
Como referenciar: Senuseret II in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2017. [consult. 2017-10-19 11:56:52]. Disponível na Internet: