Simão Sabrosa

Futebolista português, Simão Pedro Fonseca Sabrosa nasceu a 31 de outubro de 1979, em Constantim, no distrito de Vila Real. O avançado Simão Sabrosa começou por jogar futebol na Escola Diogo Cão e, quando tinha 13 anos, deu nas vistas num torneio que decorreu em Coimbra e acabou por ser levado para o Sporting Clube de Portugal. Em Lisboa esteve uma semana à experiência e foi aceite, tendo deixado para trás uma proposta do Futebol Clube do Porto. Passou assim a jogar nas camadas jovens do Sporting.
Com 14 anos sagrou-se campeão nacional de iniciados e aos 16 tornou-se futebolista profissional. Na primeira época nessa condição foi campeão nacional de juniores. Ainda na mesma temporada, em maio de 1996, na Áustria, sagrou-se campeão europeu de sub-16 ao serviço da seleção nacional. Simão foi o melhor marcador do torneio com cinco golos.
O talento de Simão Sabrosa permitiu-lhe jogar em escalões etários mais avançados que a sua própria idade e assim, com apenas 17 anos, estreou-se na equipa principal do Sporting. O primeiro jogo com a equipa sénior teve lugar a 16 de junho de 1997, na Maia, frente ao Sport Comércio e Salgueiros e contava para a I Liga. Simão Sabrosa teve uma estreia feliz, já que marcou um dos três golos com que a sua equipa venceu. No ano seguinte, com 19 anos, deu-se a estreia na seleção A. A 18 de novembro, Portugal defrontou e derrotou Israel e Simão Sabrosa marcou um dos golos.
O avançado era já uma presença assídua na equipa principal do Sporting, tendo marcado na temporada 1998/1999 dez golos. As suas prestações já há algum tempo eram seguidas por equipas estrangeiras e, em junho de 1999, foi vendido pelo Sporting a um dos maiores clubes do mundo: o Barcelona, de Espanha.
Simão esteve duas temporadas em Barcelona, mas nem tudo correu como o jogador português esperava. Na primeira delas poucas vezes foi utilizado já que na sua posição atuava outro português, Luís Figo, que tinha lugar cativo na equipa. Mas no fim dessa temporada Figo mudou de equipa e abriu as portas da titularidade a Simão Sabrosa. No entanto, o avançado nunca se afirmou definitivamente e resolveu abandonar a equipa, regressando a Portugal na temporada 2001/2002 para representar o Benfica. Ao serviço do clube lisboeta, Simão realizou excelentes exibições que o tornaram a maior figura do plantel e que o levaram a desempenhar o papel de capitão de equipa. Em 2004/2005 conquistou o campeonato nacional.
Entretanto, marcou presença no Europeu 2004, onde foi vice-campeão, tendo também sido convocado para o Mundial 2006, na Alemanha.
Como referenciar: Simão Sabrosa in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-06-24 14:35:47]. Disponível na Internet: