sulfato de cobre (II)

O sulfato de cobre (II) é um sólido azul cuja fórmula química é CuSO4.5H2O e possui uma densidade relativa de 2,284. É também conhecido como vitríolo azul.
Das cinco moléculas de água que apresenta, este composto perde quatro moléculas de água a 110 ºC e a quinta molécula de água a 150 ºC, formando-se um composto anidro branco, rômbico e de densidade relativa de 3,6.
Neste composto cada ião cobre (II) encontra-se rodeado por quatro moléculas de água do quadrado, a quinta e a sexta posições são ocupadas por átomos de oxigénio dos aniões sulfato, e a quinta molécula de água mantém-se por ligações com o hidrogénio. O sulfato de cobre (II) pentaidratado prepara-se ou por reação do óxido de cobre (II) ou do carbonato de cobre (II) com ácido sulfúrico diluído. A solução resultante é aquecida até à saturação e o sulfato de cobre (II) pentaidratado azul cristaliza por arrefecimento (normalmente adicionam-se algumas gotas de ácido sulfúrico diluído para evitar a hidrólise).
A nível industrial é obtido fazendo passar uma corrente de ar através de uma mistura quente de cobre e de ácido sulfúrico diluído.
O sulfato de cobre (II) pentaidratado apresenta inúmeras aplicações: na agricultura como fungicida, algicida, bactericida e herbicida; aditivo em alimentos e fertilizantes; como mordente em banhos fotográficos; como eletrólito nas pilhas; na preservação da madeira; na composição de pigmentos em tintas e em composições pirotécnicas.
A sua forma anidra é usada na deteção de traços de humidade.

Como referenciar: sulfato de cobre (II) in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-07-05 11:23:51]. Disponível na Internet: