Todd Haynes

Realizador e argumentista norte-americano, Todd Haynes nasceu a 2 de janeiro de 1961, em Los Angeles, Califórnia.
Mostrou desde cedo paixão pelo cinema ao fazer filmes amadores quando ainda criança. Formou-se em Arte e Semiótica na Universidade Brown, após o que se mudou para Nova Iorque. Em 1985, realiza a sua primeira curta-metragem, Assassins: A Film Concerning Rimbaud e, dois anos depois, assina a controversa curta-metragem Superstar: The Karen Carpenter Story. O filme conta a história de Karen Carpenter e o seu sofrimento causado pela anorexia nervosa, usando bonecas Barbie em vez de atores reais. Fez imenso sucesso em diversos festivais de cinema, contudo, Richard Carpenter processou-o e o filme deixou de ser distribuído. Em 1991, realiza a sua primeira longa-metragem, Poison (Veneno), baseada no romance de Jean Genet; um filme polémico que conta três histórias sobre marginais, sexo e violência. Poison recebe o prémio do júri no Festival de Cinema de Sundance e o prémio da crítica do Fantasporto. Realiza depois e assina o argumento do thriller Safe (Seguro, 1995), a história de uma mulher casada e dona de casa, Carol White (papel interpretado por Julianne Moore), que sofre um colapso nervoso causado por um vírus misterioso e vai para uma clínica estranha. O filme foi considerado uma obra-prima, tendo recebido fortes aplausos da crítica.
Em 1998, realiza Velvet Goldmine, um filme que conta a história de um repórter - Arthur Stuart (Christian Bale) - que investiga a ascensão e desaparecimento da estrela de glam rock dos anos 70, Brian Slade (Jonathan Rhys-Meyers), fortemente influenciado pelo cantor de rock americano Kurt Wild (Ewan McGregor).
Em 2002, realiza e escreve o argumento do melodrama Far from Heaven (Longe do Paraíso), passado nos anos 50, que conta a história de Cathy (Julianne Moore), uma mãe e mulher exemplar da comunidade onde habita, que se vê confrontada com duas situações insustentáveis: descobre a homossexualidade do marido, Frank (Dennis Quaid), ao mesmo tempo que sente uma ternura amorosa por Raymond (Dennis Haysbert), o jardineiro negro que, por condições sociais e rácicas, não deve pertencer ao seu universo íntimo. O filme é nomeado para três Óscares, incluindo o de melhor argumento original para Haynes.
Como referenciar: Todd Haynes in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-04-21 07:08:29]. Disponível na Internet: