Vincent D'Onofrio

Ator norte-americano, Vincent Philp D'Onofrio nasceu a 30 de junho de 1959 em Nova Iorque. Começou por estudar com Sonia Moore no Stanislavski Theatre de Nova Iorque e depois com Sharon Chatten no Actors Studio. Fez alguns pequenos papéis no teatro, mas ganhava tão mal que tinha que recorrer a outros trabalhos para sobreviver.
Estreou-se na Broadway em 1984 com Open Admissions, interpretando um rapaz italiano com problemas na fala, no mesmo ano em que se estreou no cinema na comédia pouco memorável The First Turn-On!. Em 1987, teve um papel perturbador no aclamado filme de guerra de Stanley Kubrick Full Metal Jacket (Nascido Para Matar): o obeso soldado "Gomer" Pyle, que mata o seu sádico sargento antes de se suicidar. Variando de registo, fez no mesmo ano de mecânico na comédia Adventures in Babyssitting (Aventuras Fora de Horas), com Elizabeth Shue. Seguiram-se papéis em Mystic Pizza (Amor e Fantasia, 1988), com Lili Taylor e Julia Roberts; Crooked Hearts (Uma Família em Apuros, 1991); Dying Young (A Escolha do Amor, 1991), de novo com Julia Roberts; JFK (1991), de Oliver Stone; The Player (O Jogador, 1992), de Robert Altman; Household Saints (1993); Being Human (Gente Como Nós, 1993); e Ed Wood (1994), de Tim Burton, numa excelente representação de Orson Welles.
Em 1996, teve uma interpretação principal muito notada em The Whole Wide World como o escritor Robert E. Howard. Neste drama romântico que também produziu, contracenou com Renée Zellwegger. Participou depois em Feeling Minnesota (A Mulher do Meu Irmão, 1996); Men in Black (Homens de Negro, 1997), de Barry Sonnenfeld, interpretando um impagável mau da fita; Claire Dolan (1998); Happy Accidents (2000); Steal This Movie (Geração Hippie, 2000), um dos seus melhores papéis - o radical dos anos 60 Abbie Hoffman; The Cell (A Cela, 2000), interpretando um serial-killer num filme de ficção científica visualmente deslumbrante; Impostor (O Impostor, 2001); The Dangerous Lives of Altar Boys (A Vida Perigosa dos Rapazes do Altar, 2002); The Salton Sea (Obsessão e Vingança, 2002), encarnando o traficante de droga Pooh Bear; e Thumbsucker (Chupa no Dedo, 2005), filme independente de Mike Mills.
Fez também diversos filmes para a televisão, participou com regularidade na série Law and Order: Criminal Intent (2001) e foi ator convidado em séries como Miami Vice (Ação em Miami, 1987), Homicide: Life on the Street (Departamento de Homicídios, 1997) ou a série de animação Men in Black: The Series (1998).
Como referenciar: Vincent D'Onofrio in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-07-16 11:02:30]. Disponível na Internet: