MOMENTOS WOOK - 20% de desconto em todos os livros

Morro da Pena Ventosa

Rui Couceiro

Pedra e Sombra

Burhan Sönmez

Geração D

Carlos de Matos Gomes

2 min

Andy Garcia
favoritos

Ator norte-americano, Andrés Arturo García Menéndez nasceu a 12 de abril de 1956, na cidade de Havana, em Cuba.

Aos cinco anos, emigrou para a Florida, nos Estados Unidos da América, com a família. Fez os seus estudos na Florida International University e, durante alguns anos, participou em peças de teatro locais.

No final dos anos 70, mudou-se para Los Angeles e, em 1979, fez uma discreta estreia cinematográfica, participando em Guaguasi (1979). Dois anos depois, fez a sua estreia em televisão, desempenhando um pequeno papel num episódio da série Hill Street Blues (A Balada de Hill Street, 1980-88).

O seu desempenho no filme 8 Million Ways to Dye (Oito Milhões de Maneiras Para Morrer, 1985) com Jeff Bridges e Rosanna Arquette, catapultou a sua carreira.

Começa a desempenhar papéis de relevo vestindo a pele de personagens marcantes, como nos filmes The Untouchables (Os Intocáveis, 1987), um êxito realizado por Brian de Palma, Black Rain (Chuva Negra, 1989), de Ridley Scott, em que o podemos ver ao lado de Michael Douglas numa parelha de polícias em missão no Japão, e no filme que o tornou realmente inesquecível, The Godfather, Part III (O Padrinho, Parte III, 1990), de Francis Coppola, em que desempenhou Vincent, o sobrinho temperamental do mafioso Michael Corleone, desempenhado por Al Pacino, e que lhe valeu a nomeação para os Óscares e para os Globos de Ouro como Melhor Ator Secundário.

Outros filmes de destaque na sua carreira são Internal Affairs (Ligações Sujas, 1990), em que contracena com Richard Gere, Dead Again (Viver de Novo, 1991), com Kenneth Branagh e Emma Thompson, Jennifer Eight (1992), com Uma Thurman e John Malkovich, Hero (Herói Acidental, 1992), um filme de Stephen Frears, em que o podemos ver ao lado de Dustin Hoffman e Geena Davis.

Depois de desempenhar tantos papéis de "duro", a sua imagem no grande ecrã altera-se no filme When a Man Loves a Woman (Quando Um Homem Ama uma Mulher, 1994), em que Garcia é o marido compreensivo e leal de Meg Ryan, que sofre de problemas de alcoolismo.

A partir da segunda metade dos anos noventa, o ator participou em filmes menos marcantes como Things to Do in Denver When You're Dead (Coisas Para Fazer Em Denver Depois de Morto,1995), Steal Big, Steal Little (Disputa de Sangue, 1995), Night Falls on Manhattan (O Lado Obscuro da Lei, 1997), Hoodlum (Os Reis do Sub-Mundo, 1997) e Desperate Measures (Medidas Desesperadas,1998), para além duma pequena participação no êxito Ocean's Eleven (Façam as Vossas Apostas, 2001).

Andy Garcia também realizou Cachao...Como Su Ritmo No Hay Dos (1993), um documentário sobre o lendário baixista e compositor cubano Israel "Cachao" Lopez, um dos criadores do Mambo.

Partilhar
  • partilhar whatsapp
Como referenciar
Porto Editora – Andy Garcia na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2024-07-17 10:34:32]. Disponível em
Outros artigos
ver+
Partilhar
  • partilhar whatsapp
Como referenciar
Porto Editora – Andy Garcia na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2024-07-17 10:34:33]. Disponível em

Morro da Pena Ventosa

Rui Couceiro

Pedra e Sombra

Burhan Sönmez

Geração D

Carlos de Matos Gomes