Geração D

Carlos de Matos Gomes

Amar em caso de emergência

Vera dos Reis Valente

Deus na escuridão

Valter Hugo Mãe

1 min

Arata Isozaki
favoritos

Arquiteto japonês, nasceu em 1931, em Kyushu, no Japão, e morreu a 28 de dezembro de 2022, em Okinawa. Formou-se em arquitetura pela Universidade de Tóquio em 1954, tendo sido aluno de Kenzo Tange e mais tarde membro da sua equipa.

A partir de 1963 iniciou atividade independente desenvolvendo uma obra influenciada pelo grupo "metabolismo", que propunha a utilização de enormes infraestruturas urbanísticas de alto nível tecnológico como forma de resolver os problemas das cidades atuais e do qual fazia parte Kenzo Tange, de quem foi discípulo.

A partir de finais da década de 80 evoluiu para uma posição que evidencia a sua reação a muitos princípios fundamentais do Movimento Moderno e que vários críticos apelidaram de "maneirista". Nos seus edifícios podem encontrar-se referências tão díspares como o Neoclassicismo ou a Arte Nova.

Isozaki tornou-se mundialmente conhecido com o seu projeto para o Museu de Arte em Takasaki (1970-74), vindo a ser convidado para a conceção de edifícios emblemáticos em vários países - o exemplo que nos é mais próximo é o Pavilhão Olímpico construído para os Jogos Olímpicos de Barcelona de 1992.

Foi considerado o sucessor de Tange e um dos mais prestigiados arquitetos japoneses no mundo.

Partilhar
  • partilhar whatsapp
Como referenciar
Porto Editora – Arata Isozaki na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2024-04-21 21:41:43]. Disponível em

Geração D

Carlos de Matos Gomes

Amar em caso de emergência

Vera dos Reis Valente

Deus na escuridão

Valter Hugo Mãe