Geração D

Carlos de Matos Gomes

Amar em caso de emergência

Vera dos Reis Valente

Deus na escuridão

Valter Hugo Mãe

1 min

calculadora gráfica
favoritos

Pequeno computador portátil cuja principal característica consiste no facto de ser capaz de traçar gráficos de vários tipos num intervalo de tempo muito curto.
Desde o seu aparecimento em 1985 que as calculadoras gráficas têm vindo a ser crescentemente utilizadas, sobretudo ao nível do ensino da Matemática e da Física. Com efeito, as suas múltiplas capacidades permitem diversas utilizações no âmbito daquelas disciplinas, como sejam traçar e analisar gráficos de funções, de equações polares ou paramétricas, de sucessões e de distribuições estatísticas, nomeadamente, e quanto a estas histogramas, polígonos de frequências, diagramas de extremos e quartis, diagramas de dispersão e modelos de regressão polinomial. Possuindo funções matemáticas avançadas, permitem operações numéricas sobre matrizes, vetores, números complexos, derivadas e integrais, assim como cálculos ligados à trigonometria e às probabilidades e estatística.
Funcionam também como calculadoras financeiras calculando juros simples e compostos, cash-flow, amortizações, etc.
Exemplo de uma calculadora gráfica
Duas calculadoras transferindo dados por um cabo de comunicação
Podem, ainda, ser programadas em linguagem estruturada específica do tipo Basic. Em geral, possuem uma "biblioteca" de programas variados de aplicação científica. Alguns destes são especificamente concebidos para a utilização da calculadora em ligação com sensores de dados na realização de experiências práticas que incluem recolha e análise de dados do mundo real (por exemplo, o estudo de variações de temperatura, de luminosidade, de peso de velocidade, etc.).
A possibilidade de se ligarem, mediante a utilização de software específico, a um computador pessoal, permite efetuar transferências de dados, programas e imagens e a impressão da informação contida no visor da calculadora. Algumas versões dispõem ainda da capacidade de ligação a um retroprojetor, o que permite a sua fácil utilização em espaço de aula ou conferência.
Partilhar
  • partilhar whatsapp
Como referenciar
Porto Editora – calculadora gráfica na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2024-05-21 09:15:21]. Disponível em

Geração D

Carlos de Matos Gomes

Amar em caso de emergência

Vera dos Reis Valente

Deus na escuridão

Valter Hugo Mãe