Geração D

Carlos de Matos Gomes

Amar em caso de emergência

Vera dos Reis Valente

Deus na escuridão

Valter Hugo Mãe

1 min

Eneias
favoritos

Eneias, príncipe troiano, era filho de Anquises, da família de Príamo, rei de Troia, e de Vénus.
Quando os gregos tomaram Troia, Eneias resistiu em vários combates travados nas ruas da cidade; mas, vendo-se em situação de grande desigualdade perante os gregos, seus inimigos, foi, com o pai ao ombro e o filho Ascânio pela mão, refugiar-se no monte Ida, com todos os troianos que quiseram acompanhá-lo. Entretanto sua mulher, Creusa, desapareceu, sem que ninguém mais tivesse conseguido encontrá-la.
Eneias embarcou então numa frota e partiu em viagem, tendo ido aportar ao Epiro. Sofreu tempestades horríveis, mas conseguiu alcançar Cartago, no Norte da África, onde a rainha Dido lhe dispensou acolhimento muito carinhoso, ao mesmo tempo que se lhe afeiçoava profundamente.
"Eneias fugindo de Troia" (por Bernini) com os Penates, deuses protetores do Estado
Passado algum tempo, deixou Cartago e navegou para a Sicília, e mais tarde, vencidas todas dificuldades que os ventos contrários lhe causaram, deu entrada com a frota muito danificada, num porto da Itália, onde resolveu demorar-se por longo tempo.
Porque queria saber do seu destino, foi depressa consultar Sibila, donzela que previa o futuro, que lhe ensinou o caminho dos infernos para que a sua entrada fosse facilitada e lhe indicou o lugar onde se encontrava o «ramo de ouro», que ele deveria levar e oferecer a Prosérpina. Entrou nos infernos e, nos Campos Elísios, viu todos troianos mortos na guerra com os gregos, incluindo seu pai, que o informou do seu futuro e da sua posteridade. Saiu dos infernos e resolveu trazer a sua frota para as margens do Tibre, onde a deixou ancorada.
Por entender que as viagens de Eneias deviam agora chegar ao seu fim, Cibele, filha do Céu e da Terra, converteu em ninfas todas as suas naus. Eneias ficaria agora na Itália.
Teve de lutar com Turno, rei dos Rútulos, povo italiano, por causa de Lavínia, com quem veio a casar após um combate singular de que resultou a morte do seu adversário.
Eneias fundou ali um pequeno estado, que os Romanos vieram a considerar o berço do seu império.
Diz-se que Vénus, mãe de Eneias, o arrebatou para o céu, contrariando a vontade de Juno, que havia prometido persegui-lo sempre, por ser troiano.
Partilhar
  • partilhar whatsapp
Como referenciar
Porto Editora – Eneias na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2024-04-19 20:32:07]. Disponível em

Geração D

Carlos de Matos Gomes

Amar em caso de emergência

Vera dos Reis Valente

Deus na escuridão

Valter Hugo Mãe