Deus na escuridão

Valter Hugo Mãe

O Livro de San Michele

Axel Munthe

Peregrinação

Fernão Mendes Pinto

1 min

John Maynard Smith
favoritos

Biólogo inglês nascido a 6 de janeiro de 1920, em Londres, e falecido a 19 de abril de 2004, vítima de um cancro nos pulmões.
Foi viver para os arredores com a família da mãe, ainda em criança, após a morte do pai. Uma tia ofereceu-lhe um pequeno livro sobre aves e John começou então a mostrar interesse por história natural. Durante a juventude, começou também a interessar-se por matemática e pelo Darwinismo, embora tenha optado por estudar Engenharia na Universidade de Cambridge.
A nível profissional, iniciou a sua carreira como engenheiro, tendo trabalho no desenho de aviões para a Real Força Aérea britânica durante a Segunda Guerra Mundial.
Após a guerra, continuou a trabalhar em aeronáutica militar até 1947, ano em que regressou à Universidade, em Londres, para estudar Zoologia, tendo concluído o curso em 1951.
Smith publicou o seu primeiro artigo científico em 1952, abordando a importância do sistema nervoso na evolução do voo animal. A partir desse ano e até 1965 foi professor de Zoologia na Universidade de Londres.
Em 1962 foi um dos fundadores da Universidade de Sussex, onde lecionou na Escola de Ciências Biológicas entre 1965 e 1985.
Nos seus estudos, entre outras inovações, introduziu modelos matemáticos no estudo do comportamento, provando que o resultado do comportamento de um indivíduo depende do que as outras pessoas fazem.
Uma das preocupações de John Maynard Smith era tornar as ideias evolutivas acessíveis a um vasto público. Assim, em 1958 editou em livro de bolso A Teoria da Evolução, que inspirou muitos jovens a seguirem biologia.
Em 1985, por ocasião da sua reforma, um grupo de 30 colegas fez um livro em sua homenagem composto por ensaios sobre a evolução, incluindo as áreas de pesquisa que o seu trabalho influenciou.
Apesar de reformado, continuou a fazer investigação e em 1993 editou uma obra sobre doenças provocadas por bactérias.
Em 1995 publicou um livro sobre as maiores transições na evolução, seguido de uma nova versão mais acessível, em 1999.
Entretanto, em 1997 a Sociedade Europeia de Biologia Evolutiva instituiu o Prémio John Maynard Smith, a entregar de dois em dois anos.
Em 1999 Smith recebeu o Prémio Crafoord, entregue pela Academia de Ciências da Suécia nas áreas em que o Nobel não é atribuído.
Partilhar
  • partilhar whatsapp
Como referenciar
Porto Editora – John Maynard Smith na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2024-02-21 04:04:28]. Disponível em

Deus na escuridão

Valter Hugo Mãe

O Livro de San Michele

Axel Munthe

Peregrinação

Fernão Mendes Pinto