Geração D

Carlos de Matos Gomes

Amar em caso de emergência

Vera dos Reis Valente

Deus na escuridão

Valter Hugo Mãe

1 min

Neptuno (mitologia)
favoritos

Neptuno era filho de Saturno e de Reia e irmão de Júpiter, Juno e Plutão. Na partilha do Universo feita por Júpiter, coube-lhe o império das águas, e passou a ser o deus do mar. Reia salvou-o da voracidade de seu pai, como salvara Júpiter, e encarregou uns pastores de o criarem. Quando já era homem, casou com Anfitrite, filha do Oceano e de Dóris, deusa do mar. Foi expulso do céu e, para viver, teve de ir tomar parte na reconstrução das muralhas de Troia. Teve disputas com Minerva, filha de Júpiter e deusa da sabedoria, por causa do nome que se iria dar à nova cidade da Ática, que veio a chamar-se Atenas.
Neptuno representa-se em figura majestática, sentado num coche em forma de concha, puxado por dois cavalos marinhos, e um tridente na mão.
Pormenor da Fonte de Neptuno, de Bartolomeo Ammannati, na Praça della Signoria, em Florença
Neptuno e Anfitrite representados num mosaico romano
Fonte de Neptuno, do escultor Giambologna, na Praça Maggiore em Bolonha
Estátua de Neptuno em Creta, Grécia
Partilhar
  • partilhar whatsapp
Como referenciar
Porto Editora – Neptuno (mitologia) na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2024-05-25 00:06:50]. Disponível em

Geração D

Carlos de Matos Gomes

Amar em caso de emergência

Vera dos Reis Valente

Deus na escuridão

Valter Hugo Mãe