dar

dar
ˈdar
verbo transitivo
1.
colocar (algo) na posse de alguém; entregar; transferir
2.
entregar (algo) como presente; oferecer
3.
deixar a alguém; legar
4.
fazer dom de; consagrar
5.
ceder (algo) em troca de; permutar
6.
confiar algo a alguém; remeter
7.
colocar à disposição de; apresentar
8.
realizar para convidados ou para o público; organizar
9.
transmitir; apresentar
10.
conceder
11.
administrar; ministrar
12.
ser a causa de; provocar
13.
produzir
14.
atribuir; conferir
15.
considerar (algo) como pertencente a; atribuir; supor
16.
conferir (a alguém ou a algo) um carácter novo; imprimir
17.
bater; embater
18.
encontrar-se; deparar-se
19.
pagar
20.
considerar
21.
perfazer
22.
estar voltado
23.
ir ter
24.
incidir
25.
suscitar; sugerir
26.
numa operação aritmética, obter determinado resultado
27.
fazer sentir (a alguém) o efeito de; aplicar; bater
28.
lecionar
29.
soar; bater
verbo intransitivo
1.
bastar; ser suficiente
2.
servir
3.
transmitir
4.
soar; bater
5.
manifestar-se
6.
descobrir
verbo pronominal
1.
relacionar-se
2.
adaptar-se
3.
acontecer; ocorrer; realizar-se
dar a alma ao Criador
morrer
dar água pela barba
oferecer grande dificuldade
dar à língua
taramelar, denunciar alguém ou alguma coisa
dar à luz
parir
dar a mão
ajudar, proteger
dar a mão à palmatória
reconhecer um erro
dar andamento
despachar
dar ao dente
comer, mastigar
dar ares a
parecer-se com
dar às de vila-diogo/ dar à sola
fugir
dar a vida
morrer
dar com a língua nos dentes
revelar um segredo
dar conta de
responder por
dar de si
ceder (a uma força, ao uso continuado ou um esforço); ter como consequência; resultar
dar gás
apressar; acelerar
dar graxa a
lisonjear
dar nas vistas
chamar a atenção
dar o berro
deixar de funcionar, morrer
dar o
casar-se
dar para trás
fazer recuar, não consentir abusos
a dar, a dar
bamboleando-se, a abanar, agitando-se
dar-se ares de importância
mostrar-se com arrogância
dar-se conta de
notar, aperceber-se de
de mãos a dar, a dar
de mãos vazias, de mãos a abanar
não dar uma para a caixa
dizer ou fazer tudo ao contrário
não se dar por achado
fingir não perceber
ter a barriga a dar horas
ter fome
Como usar o verbo
dar
oferecer, doar
Ela deu os livros e vendeu os móveis.
dar(-se) com
encontrar, achar
Ele não conseguiu dar com a solução do problema.
combinar, condizer
A carteira castanha dá com os sapatos da mesma cor.
adaptar-se
A avó não se dá com o calor do Algarve.
relacionar-se
Os primos davam-se bem.
dar de
ceder, afrouxar
A parede deu de si com o peso dos quadros.
dar em
resultar, ficar
Ele deu em doido com aquele barulho todo.
dar para
ter vista para
A janela dá para o mar.
dar(-se) por
considerar(-se), julgar(-se)
O rapaz não se deu por vencido.
Do latim dāre, «dar»
Como referenciar: dar in Dicionário infopédia da Língua Portuguesa [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-12-12 08:47:32]. Disponível na Internet:

PROVÉRBIOS

  • A água do nevão dá pão; a do trovão em parte dá em parte não.
  • A amigo não encubras o teu segredo, que darás causa a perdê-lo.
  • A cada um dá Deus o frio conforme a roupa, mas mais a quem tem pouca.
  • A casa arruinada e a bolsa vazia dão esperteza mais tardia.
  • A cavalo dado não se olha ao dente.
  • A chuvinha da Ascensão todo o ano dará pão.
  • A culpa não a tem o cão, mas quem lhe dá de comer.
  • A erva, maio a dá, maio a leva.
  • A pia não dá roupa.
  • A quem casa longe, não se dá laranjeira.
  • A quem corre uma noite fria para me encontrar, muito amor tenho que lhe dar.
  • A quem Deus não deu filhos, deu-lhe o diabo sobrinhos.
  • A razão dá costas ao cobarde.
  • A vaca com muito viço, dá com o corno no toutiço.
  • A vaca da vizinha, dá mais leite do que a minha.
  • A vaca do vilão se de inverno dá bom leite, melhor dá de verão.
  • Água e conselhos, só se dão a quem os pede.
  • Água mole em pedra dura, tanto dá até que fura.
  • Águas de São João, tiram vinho, azeite e não dão pão.
  • Aí se dão, aí se pagam.
  • Amor a ninguém dá honra, e a muitos dá dor.
  • Antes dar a ruins que pedir a bons.
  • Ao bom darás e do mau te afastarás.
  • Ao vilão se deres o pé, toma-te a mão.
  • Árvore ruim não dá bom fruto.
  • Árvore ruim não dá boa sombra.
  • Barba não dá juízo.
  • Batata e pão, juntos dão má digestão.
  • Besta sem cevada, não dá boa cavalgada.
  • Boa árvore não dá ruim fruto.
  • Bocado de mau pão não o comas nem dês ao teu irmão.
  • Bocado que sabe não se dá a frade.
  • Caldo de nabos não o bebas nem o dês a teus irmãos.
  • Cale o que deu, fale no que recebeu.
  • Casa arrumada e bolsa vazia dão esperteza mais tardia.
  • Chão pisado não dá erva.
  • Chuva da Ascensão dá pão.
  • Chuva de São João, tira o vinho e o azeite e não dá pão.
  • Chuva em janeiro e sem frio, vai dar riqueza ao estio.
  • Conselhos e água só se dão a quem os pede.
  • Contra o vício de pedir, há a virtude de não dar.
  • Dá ao advogado o dinheiro de contado.
  • Dá ao gato o que o rato tem de levar.
  • Dá Deus nozes a quem não tem dentes.
  • Dá duas vezes quem de pronto dá.
  • Dá e tem e farás bem.
  • Dá nó, não perderás ponto.
  • Dai a César o que é de César, e a Deus o que é de Deus.
  • Dai-me homens ciosos que eu vo-los darei mentirosos.
  • Dar a bofetada e esconder a mão, é de vilão.
  • Dar é honra, pedir é desonra.
  • De amigo que não ralha e de faca que não talha, não me dês migalha.
  • De graça só se dá "bom dia".
  • Deitar cedo e cedo erguer, dá saúde e faz crescer.
  • Depois de beber, cada um dá seu parecer.
  • Deus dá a barba a uns e a vergonha a outros.
  • Dinheiro mal ganho, água o deu, água o levou.
  • Em agosto dá o sol pelo rosto.
  • Em briga de irmão, não dês opinião.
  • Enquanto que tolos dão, ajuizados não compram.
  • Enquanto um vai e outro vem, Deus dá do seu bem.
  • Entre o prometer e o dar, tua filha hás de casar.
  • Escreve antes que dês e recebe antes que escrevas.
  • Fama sem proveito dá dor de peito.
  • Favas o maio as dá, o maio as leva.
  • Filho de burro um dia dá coice.
  • Fins de agosto dá o frio no rosto.
  • Fraco é o cão que não come a carne que lhe dão.
  • Gado que não puxa não dá boa carne.
  • Gaiola bonita não dá de comer ao canário.
  • Galinha pedrês, não a comas, não a vendas, não a dês.
  • Galo branco não dá manhã certa.
  • Galo loiro dá agoiro.
  • Gasta e dá, Deus mandará.
  • Grande é o Marão e não dá palha nem grão.
  • Grandes árvores dão mais sombra que fruto.
  • Linho apurado dá lenço dobrado.
  • Lua à tardinha com anel, dá chuva à noite a granel.
  • Lua de agosto, dá no rosto.
  • Lua de janeiro não tem parceiro, exceto a de agosto que lhe dá no rosto.
  • Luar de janeiro alumia todo o ribeiro, mas lá vem o de agosto que lhe dá no rosto.
  • Má é a árvore que só dá fruto a poder de trato.
  • maio não dá capote.
  • maio que não der trovoada, não dá coisa estimada.
  • Mais caro é o dado que o comprado.
  • Mais cresce a árvore, mais sombra dá.
  • Mais vale a saúde que a riqueza, pois a riqueza não dá saúde.
  • Mais vale recusar com graça do que dar com grosseria.
  • Mal alheio dá conselho.
  • Não dá quem quer, senão quem tem.
  • Não é a formosura que dá o pão
  • Não é por um burro dar um coice que se lhe corta a perna.
  • Não há rico que não possa receber, nem pobre que não possa dar.
  • Não se dão pérolas a porcos, nem se sustentam burros à argola.
  • O esquecido nem é dado, nem agradecido.
  • O menino e o velhinho vão para onde lhe dão carinho.
  • O milho plantado tarde, não dá palha nem espiga.
  • O mundo dá muitas voltas.
  • O que a vida nos dá a morte nos tira.
  • O que bem sabe não se dá a frade.
  • O que dá para receber, enganado deve ser.
  • O que o berço dá, a tumba o leva.
  • O que o diabo dá, o diabo leva.
  • Oferecer e não dar é dever e não pagar.
  • Os bons e as nuvens só recebem para dar.
  • Ouvir missa não gasta tempo, dar esmola não empobrece.
  • Por o burro dar o coice, não se lhe corta a pata.
  • Porta por onde entra a fome, dá saída à honra.
  • Quando chove na Ascensão, até as pedrinhas dão pão.
  • Quando não o dão os campos, não o dão os santos.
  • Quando o coração tem pena, os olhos dão o sinal.
  • Quando te derem um bacorinho, bota-lhe logo o baracinho.
  • Quanto mais me dá a minha galinha amarela, mais eu quero por ela.
  • Quanto mais me dão, mais meus amigos são.
  • Quem dá aos pobres, empresta a Deus.
  • Quem dá e torna a tirar, ao inferno vai parar.
  • Quem dá e torna a pedir, ao inferno vai cair
  • Quem dá o conselho, não dá o remédio.
  • Quem dá o pão, dá a educação.
  • Quem dá o pão e não dá o castigo, não viu a sombra do paraíso.
  • Quem dá o que tem, a mais não é obrigado.
  • Quem dá o que tem, a pedir vem.
  • Quem dá o que tem antes que morra, merece uma cachaporra.
  • Quem dá para receber, enganado deve ser.
  • Quem dá valor ao que tem, sai mais crescido.
  • Quem deu, dará, quem pediu, pedirá.
  • Quem quer dar, pau acha.
  • Quem tiver bom vinho, não o dê ao seu vizinho.
  • Quem vai à guerra, dá e leva.
  • Repreensão bem dada é palavra abençoada.
  • Ruim árvore nunca deu bom fruto.
  • Se muito come o tolo, mais tolo é quem lho dá.
  • Todos os caminhos vão dar à ponte, quando o rio vai de monte em monte.
  • Vento de leste não dá nada que preste.
  • Vento suão, não dá pão.
  • Vinha posta em bom compasso, ao primeiro ano dá agraço.
  • Vinha que rebenta em abril, dá pouco vinho para o barril.
  • Vinho sobre melancia, dá pneumonia.
VER +

CITAÇÕES

  • "E dará à luz um filho, e chamarás o seu nome JESUS; porque ele salvará o seu povo dos seus pecados."Bíblia
  • "Uma pessoa dá um espirro e acha que esse espirro é importante e que ela própria, só por dá-lo, também é importante."Margarida Gil
  • "Uma coisa não é necessariamente verdadeira só porque um homem dá a vida por ela."Oscar Wilde