estaca

es.ta.ca
(i)ʃˈtakɐ
nome feminino
1.
pau aguçado que se crava na terra para segurar ou prender a si alguma coisa
2.
peça semelhante, de madeira ou de outro material, que se crava no solo para servir de marco em levantamentos topográficos, para demarcar terrenos, etc.
3.
viga de madeira, metal ou outro material, que se crava no solo para servir de apoio às fundações de um edifício
4.
BOTÂNICA vara usada para apoiar uma planta ou para induzir o seu crescimento vertical
5.
BOTÂNICA ramo ou porção do caule de uma planta que se enterra no solo para reprodução; chanta; tanchão
6.
HIPISMO membro aprumado do cavalo
Brasil estaca testemunha
num levantamento topográfico, marco utilizado para assinalar um ponto relevante
estaca zero
marco a partir do qual se inicia uma marcação topográfica
pegar de estaca
1.
BOTÂNICA enraizar-se (planta) por enterramento de chanta ou tanchão
2.
figurado afirmar-se com facilidade (algo ou alguém novo face a certo contexto ou situação)
voltar à estaca zero
figurado recomeçar a partir do ponto incial; tornar ao princípio
Do gótico stakka, «idem»
estaca
forma do verbo estacar
3.ª pessoa do singular do presente do indicativo de estacar
2.ª pessoa do singular do imperativo de estacar
Como referenciar: estaca in Dicionário infopédia da Língua Portuguesa [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-10-22 04:56:15]. Disponível na Internet:

PROVÉRBIOS

  • Estaca nova de oliveira velha, no tempo da flor é cortar e pôr.
  • Quem muitas estacas mete, alguma lhe pega.
  • Quem muitas estacas tomba, alguma se lhe há de quebrar.
VER +