registo

re.gis.to
ʀəˈʒiʃtu
nome masculino
1.
ato ou efeito de registar
2.
ato ou efeito de inscrever um facto ou acontecimento para não ser esquecido
3.
anotação
4.
livro público ou particular onde se inscrevem atos ou acontecimentos que se desejam arquivar
5.
cópia textual de um documento, extraída de livro próprio, para lhe garantir autenticidade
6.
repartição encarregada de registar; conservatória
7.
NÁUTICA verificação aduaneira
8.
MÚSICA dispositivo perfurado que distribui pelos tubos o ar contido no fole de um órgão musical
9.
MÚSICA timbre de voz ou instrumento
10.
MÚSICA toda a extensão da escala de sons que uma voz ou um instrumento produzem
11.
peça do relógio que regulariza o andamento dos ponteiros
12.
inscrição dos nascimentos, casamentos e óbitos, em repartição destinada a esse fim
13.
seguro do correio
14.
LINGUÍSTICA variação da linguagem verbal, oral ou escrita, em conformidade com o tipo de situação comunicativa
15.
torneira que regula a tiragem de um forno ou de uma chaminé
registo civil
1.
instituição que tem por função registar e autenticar os atos e factos da vida das pessoas
2.
repartição pública em que se registam o nascimento, o casamento, o divórcio e a morte das pessoas
registo predial
repartição pública em que se inscrevem os prédios para efeitos fiscais
ser digno de registo
ser merecedor de referência ou lembrança
Do latim regestu-, «registado», particípio passado de regerĕre, «registar; transcrever», pelo latim medieval registru-, «registo», pelo francês régistre, «idem»
registo
forma do verbo registar
1.ª pessoa do singular do presente do indicativo de registar
Como referenciar: registo in Dicionário infopédia da Língua Portuguesa [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2018. [consult. 2018-12-17 05:05:50]. Disponível na Internet: