Ali Daei

Futebolista internacional iraniano, nasceu a 29 de março de 1969, em Ardabil, no Irão.
Ali Daei, que se destacou como avançado, é licenciado em Engenharia.
Aos 19 anos representou o clube da sua cidade, o Esteghlal Ardabil, e como, entretanto, teve de cumprir serviço militar não pôde ir jogar para o campeonato japonês. Alinhou de seguida em clubes iranianos de pequena dimensão, o Taxirani e o Bank Tejarat, antes de ingressar em 1994 no Persepolis, uma das principais equipas do Irão. Na temporada 1996/1997, Ali Daei representou o Al Sadd, tendo sido contratado em 1997/1998 pelo Arminia Bielefeld, que tinha acabado de ascender à primeira divisão alemã, a Bundesliga. O avançado iraniano marcou sete golos em 25 jogos e, na temporada seguinte, passou a representar o Bayern de Munique, o maior clube alemão e um dos mais consagrados no Mundo. Marcou seis golos em 23 partidas e ganhou o campeonato alemão, mas optou por mudar para o Hertha de Berlim, que viria a representar durante três épocas. Ao serviço do Bayern de Munique tinha-se tornado no primeiro jogador iraniano a apontar um golo na Liga dos Campeões europeus. Em 2002, Ali Daei optou por representar o Al-Shabbab, dos Emiratos Árabes Unidos, apesar de ter recebido convites de clubes ingleses, escoceses, austríacos e japoneses. No ano seguinte, regressou ao Irão para voltar a representar o Persepolis, mudando-se depois para o Saba Battery, onde esteve dois anos, entre 2004 e 2006. Na temporada 2006/2007, passou a representar o Saipa, onde viria fazer a sua estreia como treinador, apesar de se ter mantido como jogador.
Ali Daei foi designado o maior goleador de sempre em competições internacionais de seleções pela Federação Internacional da História e das Estatísticas do Futebol. Representou a seleção do Irão em perto de 150 jogos e marcou mais de cem golos. A 17 de novembro de 2004, ao marcar quatro golos à seleção do Laos, atingiu os 102 golos, tornando-se no primeiro jogador de sempre a atingir os cem golos em jogos de seleção.
Apesar de já não ser titular, Ali Daei representou a seleção do Irão no Mundial de 2006, na Alemanha, depois de já ter estado presente no Mundial 1998, nos Estados Unidos da América.
Aproveitando a notoriedade e o dinheiro acumulado enquanto futebolista, Ali Daei dedicou-se a ações humanitárias, nomeadamente com a UNICEF.
Como referenciar: Ali Daei in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-10-22 02:59:32]. Disponível na Internet: