Artigos de apoio

O Nome da Rosa (filme)

Filme resultante de uma coprodução germano-francesa, realizado, a partir do romance homónimo de Umberto Eco, por Jean-Jacques Annaud em 1986. Fizeram parte do elenco Sean Connery, Christian Slater, F. Murray Abraham, Helmut Qualtinger, Elya Baskin e Michael Lonsdale, entre outros atores. As filmagens decorreram em Klöster Eberbach, perto de Frankfurt, e as cenas exteriores foram filmadas numa colina perto de Roma, onde se construiu o maior cenário exterior da Europa desde as filmagens de Cleópatra, em 1963.
A ação desenrola-se num mosteiro beneditino italiano em 1327, local onde se dá a misteriosa morte de um monge. Como nesse local está prevista a realização de um concílio, são requisitados os serviços do monge franciscano William of Baskerville (Sean Connery) com o intuito de descobrir as origens do assassinato. Baskerville faz-se acompanhar de Adso von Melk (Christian Slater), um jovem e inexperiente noviço. À medida que a investigação se processa, o número de mortes vai aumentando, o que leva Baskerville a desconfiar que o mosteiro encerra um segredo. A notícia chega aos ouvidos do Papa, que envia Bernardo Gui, o inquisidor-geral (F. Murray Abraham) que através de processos de tortura prende o deformado Salvatore (Ron Perlman) e uma jovem (Valentina Vargas) por quem Melk se apaixonara entretanto. O filme foi um sucesso, embora tanto o público como a crítica especializada tenham considerado que a qualidade do best-seller de Eco fosse superior ao da película.

Como referenciar: O Nome da Rosa (filme) in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2018. [consult. 2018-07-22 07:36:38]. Disponível na Internet: