Stuart Dryburgh

Diretor de fotografia inglês, Stuart Dryburgh nasceu a 30 de março de 1952, em Londres. Cedo mudou-se para a Nova Zelândia, tendo crescido em Wellington. Estudou Arquitetura na Universidade de Auckland, onde se formou em 1977.
Trabalhou em vídeos musicais, publicidade e documentários, começando a sua carreira no cinema como encarregado da iluminação. Em 1989, já como diretor de fotografia, trabalhou na curta-metragem de horror de Alison McLean intitulada Kitchen Sink, após o que colabora pela primeira vez com a realizadora Jane Campion no seu drama An Angel at My Table (Um Anjo à Minha Mesa, 1990). Esta colaboração continuou três anos depois com o drama romântico The Piano (O Piano), que se tornou um sucesso a nível mundial e valeu a Dryburgh a nomeação para o Óscar de Melhor Fotografia, para o BAFTA e para o prémio da American Society of Cinematographers, vencendo o prémio da mesma categoria do Instituto de Cinema da Austrália, entre outros. Dirigiu depois a fotografia de Once Were Warriors (A Alma dos Guerreiros, 1994), do realizador Lee Tamahori, e colaborou depois com Mira Nair em The Perez Family (1995), baseado no romance de Christine Bell. Seguiu-se o thriller Lone Star (Um Corpo no Deserto, 1996), de John Sayles. No mesmo ano, voltou a trabalhar com Jane Campion em The Portait of a Lady (Retrato de Uma Senhora), uma bela adaptação do livro de Henry James protagonizada por Nicole Kidman.
Em 1998, experimentou os meandros da televisão com a série de sucesso Sex and the City (O Sexo e a Cidade) e, em 1999, voltou ao cinema com a popular comédia de Harold Ramis Analyse This (Uma Questão de Nervos), com Robert De Niro e Billy Crystal. Trabalhou depois em Runaway Bride (Noiva em Fuga, 1999), uma comédia romântica de Gary Marshall, com a dupla Richard Gere e Julia Roberts.
Entre outros, destacam-se ainda os seus trabalhos em filmes como Bridget Jones's Diary (O Diário de Bridget Jones, 2001), uma comédia hilariante com Renée Zellweger e Hugh Grant; Kate & Leopold (Kate e Leopold, 2001), de James Mangold; ou The Recruit (O Recruta, 2003), de Roger Donaldson, um thriller com Al Pacino e Colin Farrell nos principais papéis.
Como referenciar: Stuart Dryburgh in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-11-11 19:37:02]. Disponível na Internet: