Terra Sangrenta

Intitulado originalmente The Killing Fields, este filme foi realizado por Roland Joffé em 1984 e venceu três Óscares: Melhor Montagem, Fotografia e Melhor Ator Secundário para Haing S. Ngor. Baseado em factos verídicos, o filme retrata as vivências de Sydney Schanberg (Sam Waterston), jornalista do New York Times, que é enviado para o Camboja para cobrir a guerra. No local, trava conhecimento com Dith Pran (Haing S. Ngor), o seu intérprete, e rapidamente desenvolvem uma relação de mútua confiança. Durante a retirada das tropas americanas, Pran abandona a família e permanece junto de Sydney, sendo testemunha dos horrores praticados pelo grupo dos Khmers Vermelhos liderados por Pol Pot.
A obra perpassou um inusitado realismo da violência verificada durante a Guerra do Camboja vista pelos olhos de um ocidental, mas é também um retrato emocionante de amizade personificada na tentativa do jornalista salvar o seu intérprete do campo de concentração dos rebeldes comunistas. Ngor trouxe para o filme muitas das suas vivências pessoais, pois à altura da guerra era médico e foi preso pelos Khmers, tendo conseguido fugir para a Tailândia. De salientar também a forte presença de John Malkovich num papel secundário, como fotógrafo de guerra.
Como referenciar: Terra Sangrenta in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-07-23 22:56:55]. Disponível na Internet: