Geração D

Carlos de Matos Gomes

Amar em caso de emergência

Vera dos Reis Valente

Deus na escuridão

Valter Hugo Mãe

1 min

Mut
favoritos

Era a deusa egípcia do céu, protetora da cidade de Tebas (onde tomava o nome de Sekhmet) e representava a origem de todas as coisas. Esta é a razão de se lhe ter dado o nome que significa mãe, sendo até por vezes designada como a mãe de todos os deuses.
Casada com Amon, fazia parte da tríade (Amon, seu filho Chuns, da primeira união com Amaunet e Mut) que era venerada em Luxor no templo de Amon. Neste templo era efetuada todos os anos (durante o Império Novo) uma cerimónia que simbolizava a união de Mut com Amon, propiciando a fertilidade.
Esta deusa aparece usualmente representada com a cabeça de um abutre ou mesmo como um abutre, envergando um vestido azul ou vermelho e uma coroa com as mesmas cores, representando o Alto e o baixo Egito. Há também representações suas com cabeças de abutres nos ombros, cabeça de gata, de leoa ou como uma vaca.
Partilhar
  • partilhar whatsapp
Como referenciar
Porto Editora – Mut na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2024-05-22 15:26:46]. Disponível em

Geração D

Carlos de Matos Gomes

Amar em caso de emergência

Vera dos Reis Valente

Deus na escuridão

Valter Hugo Mãe